Fábio Cherem conduz Audiência Pública sobre a situação da BR-265

audiencia-lavras

Foi realizada na tarde, segunda-feira, dia 18, a audiência pública para debater transporte, comunicação e obras públicas no município de Lavras e região, com ênfase na rodovia BR-265. A audiência foi coordenada pelo deputado Fábio Cherem.

O primeiro a falar foi o vereador Marcos Possato, de Lavras. O vereador falou do interesse do deputado Fábio Cherem em atender as demandas da região, ressaltou a importância da realização da audiência e pediu ao deputado Fábio Cherem que interceda junto as autoridades federais uma solução para a BR-265.

Cherem respondeu dizendo que a BR-265 se tornou um desafio, já que ela passou a compor a malha urbana de Lavras. Disse que a situação da BR tem que ser discutida, que ela é importante para o transporte da produção e também para o turismo. Ele disse que o resultado da audiência seria levado ao Governo de Minas apontando as necessidades da região.

O prefeito de Perdões, Hamilton Resende Filho, o “Teco”, como é mais conhecido, pediu ao deputado que levasse ao governador Fernando Pimentel a necessidade da pavimentação da estrada que liga Perdões ao povoado dos Machados, são 12 quilômetros.

O prefeito de Carrancas, José Raimundo dos Santos, disse que em sua cidade existe uma obra em andamento e que precisa ser concluída, é a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), e solicitou ajuda para isso, é a Estação de Tratamento de Água (ETA).

A prefeita de Ribeirão Vermelho, Ana Rosa Lasmar, falou da necessidade da duplicação da ponte de concreto que existe no bairro Niterói, no município de Lavras, mas que é o principal acesso a sua cidade. Segundo ela, a ponte não permite a passagem de dois veículos simultaneamente e, que nos finais de semana, quando o fluxo de turistas aumenta em Ribeirão, a ponte torna-se um gargalo.

O representante do prefeito de Luminárias, o secretário de obras Antônio Vitor, solicitou a pavimentação da rodovia que liga Luminárias a São Bento Abade, ele disse que é a única rodovia da região que ainda não foi pavimentada e pediu a Fábio Cherem que intercedesse junto ao Governo do Estado para solucionar o problema.

O prefeito de Lavras, José Cherem, falou sobre a BR-265, ele pediu o fechamento do trevo do Distrito Industrial e sua transformação em rotatória, pediu também que fosse instalado um radar na descida do Capivari, a conhecida “Curva do Capivari”, local de grandes acidentes envolvendo caminhões e carretas. José Cherem pediu também a pavimentação da estrada que liga a Comunidade do Funil, para fomentar o turismo naquela região.

O pedido do prefeito de Lavras para a instalação do radar na Curva do Capivari foi reforçado pelo tenente-coronel Paulo Marcos Ferreira, comandante da 6ª Companhia Independente de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário. Quem também reforçou o pedido do Prefeito foi o prefeito de Itumirim, Geraldo Magno de Resende, que chamou a Curva do Capivari de “Curva Assassina”.

Daniel Gedder, do Movimento “Somos Todos Vítimas da BR-265”, falou que a rodovia precisa ser reestruturada, sobretudo no trecho que liga Lavras a São João del-Rei, ele disse que está cansado de ver pessoas perdendo a vida naquela rodovia e falou do movimento que criou.

Daniel Gedder e o prefeito José Cherem enalteceram o trabalho do engenheiro Silvio Duarte Melo, engenheiro Chefe de Serviço da Unidade Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit), em Oliveira.

O prefeito de Itumirim, Geraldo Magno de Resende, pediu o asfaltamento do acesso ao distrito do Rosário.

O prefeito de Santo Antônio do Amparo, Evandro Carrara, fez dois pedidos: um para que o deputado Fábio Cherem intercedesse junto às autoridades federais para que fosse construído um trevo na entrada do distrito de São Sebastião da Estrela, na BR-381. Também que fosse construída uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) em Santo Antônio do Amparo.

O vice-prefeito de Ingaí, João Garcia, pediu a liberação de verba para a construção de um Centro de Atenção Psicossocial (Caps) naquela cidade. João Garcia aproveitou para reforçar o pedido do prefeito José Cherem na reestruturação do trevo do Distrito Industrial.

A prefeita Letícia Aparecida Belato Martins, da cidade de Monsenhor Paulo, pediu a pavimentação para dois bairros de sua cidade e também a duplicação de uma via paralela a rodovia que corta um bairro de Monsenhor Paulo.

O representante do prefeito de Carmo da Cachoeira pediu a construção de uma escola municipal de nível fundamental em sua cidade.

A prefeita de Nepomuceno, Iza Menezes, solicitou a construção de uma terceira faixa na BR-265 no trecho que corta sua cidade.

O vereador de Lavras Evandro Miranda, o Mestre Grilo, disse que toda a região se sentia valorizada com a realização da audiência pública em Lavras e com o tratamento que o deputado Fábio Cherem estava dispensando aos representantes das cidades presentes.

O vereador Douglas Freitas, da cidade de Eloi Mendes, pediu a construção de um trevo rotatório e uma passarela sobre a rodovia BR-491. O vereador Juninho Baleia, da cidade de Oliveira, disse que Lavras e toda região estava bem representada na Assembléia Legislativa, ele também pediu a instalação de um radar na entrada do trevo da BR-381 com a BR-494.

O vereador Odeilson Correa dos Santos, de Itutinga, solicitou a liberação por parte do Dnit de uma linha de ônibus estilo “lotação” com catraca para fazer a linha entre Lavras e Itutinga. Ele também reforçou o pedido da instalação de um radar na Curva do Capivari e a implantação de uma faixa elevatória na BR-265 para facilitar a travessia dos moradores do bairro Cento e Onze ao centro de Itutinga. Também uma faixa elevatória na saída para São João del-Rei, no lugar conhecido como “Restaurante do Jorginho”.

O vereador Moab de Ávila Nonato da Silva, presidente da Câmara de Itutinga, pediu uma passarela sobre a BR-265 no bairro Cohab. Já o vereador de Conceição da Barra de Minas, Paulo César, solicitou o asfaltamento entre aquela cidade ao povoado dos Martins. A vereadora Cláudia, da cidade de Carrancas, elogiou a iniciativa da realização da audiência pública em Lavras e cumprimentou o vereador Marcos Possato, que solicitou a realização da audiência em Lavras e ao deputado Fábio Cherem, por se prontificar em atender as demandas da região. O mesmo foi feito pelo vereador Ratinho, de Perdões.

A ex-vereadora Jania Costa, de São João del-Rei, pediu a instalação de radares nos trevos das cidades que são cortadas pela rodovia BR-265, ela também pediu a construção de um Hospital Regional em São João del-Rei.

O vereador presidente da Câmara Municipal de Lavras, João Paulo Felizardo, o último a falar, solicitou a construção de uma rotatória no bairro Fonte Verde.

 Ao final da audiência pública, que teve início às 14h e término às 17h40, o deputado Fábio Cherem fez a leitura dos requerimentos da audiência e sua votação, em seguida, agradeceu a todos pela presença e reafirmou que todas as solicitações seriam encaminhadas ao Governo de Minas e aos órgãos competentes.

       

Deixe seu comentário